Lutando contra a luxúria com o poder da gratidão

Posted by | novembro 17, 2017 | Reflexão | No Comments

Quando eu era uma adolescente, eu me lembro de momentos onde eu via os limites de Deus estabelecidos para a pureza sexual, como um pouco… bem – irritantes. Lutar pela pureza em minha mente e coração não era fácil, e eu me esforço para manter meus pensamentos puros. Eu me pegava murmurando em meu coração sobre o quanto a vida de solteira era difícil.

Por que será que Deus me deu todo esse desejo sexual sendo eu ainda uma mulher solteira?

E se eu nunca me casasse? Então como seria?

Como eu poderia honrar a Deus quando era tão difícil?

Bem no fundo, eu sabia que o desejo de Deus para a pureza era bom.

Eu sabia que a intimidade sexual era reservada para o casamento somente, mas eu lutava para ver isso como uma benção. Eu lutava para perceber minha solteirice como uma dádiva. Minha mente parecia ser um imã para fantasias românticas e eu lutava para manter meus pensamentos puros.

Enquanto eu lutava através dos meus questionamentos e lutas, eu comecei a notar um tema recorrente em meu coração… e esse tema negativo estava afetando minha vitória contra o pecado sexual.

Ao invés de escolher agradecer a Deus por esse período em minha vida, eu estava murmurando e reclamando disso. Eu estava focando naquilo que eu não tinha, em lugar de escolher focar naquilo que eu tinha.

Em lugar de cultivar um coração grato, eu estava cultivando um coração de ingratidão.

O que eu não havia percebido na época, mas percebo agora, é que um coração de ingratidão finalmente nos leva a um coração de cobiça. E um coração cobiçoso é rápido em olhar para o prazer pessoal em forma de luxúria e pecados sexuais.

Meu coração de ingratidão estava me guiando para um caminho de cobiça e egoísmo. Meus olhos não estavam focados em honrar a Deus nesses momentos, mas em conseguir o que eu queria.

Talvez pareça estranho falar sobre gratidão no mesmo contexto que a luxúria, mas não é. Escolher perseguir um coração grato é uma das maiores (e menos reconhecidas) armas que nós podemos usar para lutar contra a luxúria.

Efésios 5:3-4 toca bem no cerne da questão. Confira:

“Mas a impudicícia e toda sorte de impurezas ou cobiça, nem sequer se nomeiem entre vós, como convém a santos; nem conversação torpe, nem palavras vãs ou chocarrices, coisas essas inconvenientes; antes pelo contrário, ações de graças.”

Por mais que “ações de graças” possa parecer fora do contexto nesse verso, não está.

Está exatamente onde deveria está. Ao invés de permitirmos que pecados sexuais façam raízes em nossos corações gananciosos, esse verso nos exorta a escolhermos um coração grato. Paulo está essencialmente dizendo, jogue fora sua ganância luxuriosa ao ter um coração agradecido.

Por quê?

Porque ganância luxuriosa e sincera gratidão não podem existir ao mesmo tempo. Nós não podemos perseguir gratidão e cobiça ao mesmo tempo. Nós precisamos escolher um ou outro.

Eu amo como Heath Lambert coloca isso em seu livro, Finalmente Livres: “Ganância cobre mais do que somente um forte desejo por dinheiro. Ganância tem a ver com cobiça, desejos pecaminosos, e luxúria maligna. Não apenas nós devemos evitar comportamentos sexualmente imorais; nós devemos evitar ter um coração que é ganancioso por eles.”.

Para mim, como uma mulher solteira, eu estava tentando ganhar a batalha contra a luxúria, mas, não estava reconhecendo a ganância em meu próprio coração. Como resultado, eu não estava experimentando alegria em minha solteirice.

Isso não mudou, até que eu me arrependesse do meu coração ganancioso e intencionalmente escolhesse a gratidão, então eu pude ver alguma mudança consistente em minha vida.

Como Heath Lambert diz, “ganância luxuriosa reduz a alegria, enquanto a gratidão produz alegria. Gratidão enche a alegria e multiplica ela. A lógica da gratidão é ser grato pelo que você tem em lugar de esperar por algo que você não tem.”.

Quanto mais eu focava em servir a Deus com gratidão, exatamente onde Ele havia me colocado, mais eu via a alegria em meu coração. E quanto mais eu focava em agradecer a Deus especificamente pela minha solteirice, mais fácil era para mim rejeitar pensamentos luxuriosos.

Lutar contra a luxúria com gratidão é uma arma bíblia e muito poderosa.

Se você tem lutado para se manter pura, eu quero desafiá-la a fazer o que eu fiz. Procure em seu coração qualquer sinal de ingratidão ou cobiça e arrependa-se por isso. Em lugar, peça a Deus para mudar seu coração para se tornar um coração cheio de gratidão por Ele.

Enquanto você se esforça para intencionalmente cultivar um coração grato, sua vida será transformada.

Eu adoraria que você deixasse comentários abaixo, respondendo essas duas perguntas:
• Como você tem lutado para ser grata a Deus em sua vida nesse momento?
• Ao invés de se deixar levar por um coração de gananciosa luxúria, quais são as três coisas especificamente pelas quais você pode agradecer a Deus agora mesmo?

Este post é uma tradução de um artigo de Kristen Clark, publicado originalmente no blog GirlDefined, traduzido e publicado com permissão da autora. O artigo original pode ser encontrado no link: Fighting Lust with the Power of Gratitude
Kristen e Bethany são duas irmãs do sul do estado de Texas, apenas curtindo a vida e espalhando a verdade. Com menos de 2 anos de diferença de idade, elas têm sido melhores amigas desde o dia em que se conheceram em 1988. Enquanto iam envelhecendo, as duas chegaram à conclusão de que ser uma garota neste mundo moderno pode ser uma coisa confusa. Descobriram que a maioria das meninas, mesmo as meninas cristãs, não têm ideia porque elas foram criadas, qual o seu propósito, o que significa ser uma esposa e mãe algum dia, e o valor da pureza sexual. Algo precisava ser feito. Meninas precisam da verdade e tão poucos estavam liderando o caminho e oferecendo direção. Talvez essa seja a vocação de Kristen e Bethany.
* Traduzido por Marcela Mello
* Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor, link do blog INCONFORMADOS, tradutor, blog original, não altere o conteúdo e não utilize para fins comerciais.

* Créditos da imagem

Posts Relacionados

About Inconformados

Leave a Reply

Your email address will not be published.